quinta-feira, 30 de junho de 2016

Bagé: Uma história rica!

A cidade de Bagé possui muita riqueza em sua história. No post a seguir você conhecerá um pouco mais dos fatos que deram origem ao município da fronteira, que hoje é polo regional e oferece muitas opções para quem busca se aventurar pelo Pampa.

---------

Segundo alguns historiadores, em 17 de julho de 1811, o então governador D. Diogo partiu com suas tropas para invadir o Estado Oriental del Uruguay. As pessoas que não puderam acompanhá-lo, ficaram para trás, dando origem ao município de Bagé. Oficialmente, 17 de julho de 1811 é considerada a data de fundação da cidade.

A povoação da localidade ocorreu vagarosamente, em torno da Praça da Matriz, onde formou-se o acampamento. Em 1820 foi construída uma igreja para abrigar a imagem de São Sebastião, o padroeiro da cidade. 

Mesmo após a demarcação definitiva das fronteiras, as terras continuaram a ser cenários de batalhas. Em 1825, D. Carlos de Alvear invadiu o território gaúcho, e no início de 1827, as forças do general Lavalleja entraram em Bagé, saqueando, queimando e destruindo o que encontravam pela frente. No ano seguinte, foi assinado o Tratado de Paz, que garantiu sossego à região.

Já em 1835, deu-se início à Revolução Farroupilha, uma disputa entre ideais republicanos e imperialistas. Mais uma vez os campos de Bagé serviram como palco para diversas batalhas. Em 10 de setembro de 1836 foi travada umas das mais importantes e lembradas batalhas, a “Batalha do Seival”. Nessa batalha as tropas republicanas, comandadas por Antônio de Souza Netto, saíram vitoriosas e, no dia 11 de setembro, o mesmo General Netto, no atual Campo dos Menezes, margem esquerda do Rio Jaguarão, proclamou a República Riograndense.

Em 18 de maio de 1846 Bagé foi elevada à categoria de freguesia. Em 05 de junho de 1846, passou à categoria de vila. Somente em 22 de dezembro de 1858 Bagé foi reconhecida como cabeça de comarca. Já em 15 de dezembro de 1859, foi finalmente reconhecida como cidade do Estado do Rio Grande do Sul.

Fonte: Cidade de Bagé
Foto: Amigos da Cavalgada e 

---------

Quer conhecer mais dessa história de lutas e persistência?Visite o Pampa e encante-se!

terça-feira, 28 de junho de 2016

Pampa Gaúcho, seu próximo destino: Conheça a história!

Nos próximos posts vamos dar dicas culturais aqui no Blog Caminhos do Pampa. Mas antes de evidenciarmos tudo que você vai encontrar por essas bandas, vamos contar um pouquinho da história que deu origem a essa região do Rio Grande do Sul.

---------

Bagé é conhecida como a Rainha da Fronteira e está localizada a 60 quilômetros do Uruguai. O município desempenhou um papel importante na história do Rio Grande do Sul por conta de sua posição geográfica. Os campos de Bagé foram alvo de disputa por parte dos índios, portugueses e também dos espanhóis. Bagé presenciou ainda importantes fatos, tais como a Guerra Cisplatina e as Revoluções Farroupilha e Federalista.

Na segunda metade do século XVII o município recebeu os primeiros padres jesuítas, que vieram da região dos Setes Povos das Missões e fundaram a Redução Santo André dos Guenoas (1683). O objetivo dos padres era catequizar os índios da localidade, mas estes destruíram a redução.

Já em 1750, Portugal e Espanha assinaram o Tratado de Madri, no qual os portugueses abriam mão da Colônia de Sacramento em troca de terras do atual Rio Grande do Sul e da expulsão dos Setes Povos para a outra margem do Rio Uruguai. Dois anos depois os exércitos de Portugal e da Espanha chegaram aos campos de Santa Tecla, a fim de demarcar as fronteiras. 

Os europeus foram repelidos por cerca de 600 índios charruas. Sepé Tiarajú era o comandante dos índios, a qual lhe foi atribuída a frase que aquelas eram “terras que Deus e São Miguel lhes haviam dado”.

Em 1773, o então governador de Buenos Aires, D. Juan José Vertiz y Salcedo, parte do Prata com mais 5 mil homens, para expulsar os portugueses que encontravam-se alojados no Rio Grande do Sul. Em terras gaúchas, D. Juan funda o Forte de Santa Tecla, que era cercado por um fosso de 9 metros de largura e 2,5 de profundidade, tinha uma muralha de 3 metros de altura e baluartes que alcançavam 5,5 metros. 

A partir de 1801 o território passa aos domínios portugueses de forma definitiva. Em seguida as terras de Bagé foram ocupadas por sismeiros ou arrendadas a pessoas que se destacaram nos combates travados.

Em 1811, o governador do Rio Grande do Sul, Dom Diogo de Souza, temendo alguma ação dos recém-separados espanhóis, ordena uma concentração do exercito português nas fronteiras. Os portugueses montam seu acampamento próximo aos “Cerros de Bagé”, nesse local hoje situa-se o município de Bagé - RS.

Fonte: Cidade de Bagé
Fotos: História Militar

-------

O restante dessa história você acompanha nos próximos posts, aqui no Caminhos do Pampa. 

terça-feira, 21 de junho de 2016

Vinho da Campanha está entre os 15 tintos excelentes do Brasil, a partir de R$ 35

No último domingo (19.06), a revista Exame publicou matéria sobre os 15 vinhos tintos brasileiros considerados excelentes a partir de R$ 35. O resultado é do VIII Concurso Internacional de Vinhos do Brasil, o único de seu tipo reconhecido internacionalmente, do qual participaram fabricantes de todo o mundo pelos títulos de ouro e também Grande Ouro - que reúne os destaques da edição.

Entre os 15 melhores vinhos tintos produzidos no Brasil está o Merlot 2011 da Vinícola Peruzzo, ao valor de R$ 49,50 (preço pesquisado neste mês de junho). Vale a pena experimentar!!! 


PERUZZO VINHAS E VINHOS - Motivados por um desejo antigo de produzir vinhos, associado com as oportunidades e perspectivas que a Região da Campanha oferece no mundo dos vinhos, a família Peruzzo, com muito entusiasmo e empreendedorismo decidiu investir no cultivo de uvas viníferas em sua propriedade localizada no município de Bagé/RS. 

Além das condições climáticas e de relevo que são muito propícios na região, à propriedade apresenta uma altitude de 330 metros e solos do tipo arenoso, gerando uma condição ideal e natural do meio ambiente para um produto final de alto nível. As primeiras videiras foram plantadas em 2003, provenientes de mudas importadas de renomados viveiristas da França, Itália e Portugal. A vinícola foi inaugurada em 2008 em um processo de elaboração que incorpora modernas tecnologias. 

Situada no Paralelo 31 sul, a região da Campanha Gaúcha é a nova fronteira da vitivinicultura brasileira, após ter sido identificada, em meados da década de 70, como especialmente propícia ao cultivo de uvas de qualidade superior para a produção de vinhos finos. Em paisagens típicas do pampa gaúcho, composta por campos situados em coxilhas, tradicionalmente destinados à pecuária, despontam hoje grandes projetos de vitivinicultura. 

São características desta região, e, especialmente, da micro-região onde está situada a Vinícola Peruzzo: altitude de 330m; grande amplitude térmica; solo do tipo arenoso e topografia levemente ondulada, proporcionando boa drenagem e também a condução de parreiras em espaldeiras; invernos frios e rigorosos, que favorecem a dormência das videiras, e verões quentes e secos, favorecendo a maturação das uvas. 


quinta-feira, 16 de junho de 2016

Bagé recebe Sunrise Circus neste sábado


Neste sábado, dia 18, a Reina vai ser palco da maior festa eletrônica de Bagé, a Sunrise Circus. O evento que já marcou a cidade está de volta para animar a noite dos baladeiros, com a mesma vibe das grandes festas e a batida eletrônica que todos procuram.

A edição da Circus reúne grandes atrações da cena eletrônica nacional, Dirty Noise e Avilla, e os DJs bageenses Equlibrium, Sarasol, Maicon Schmit e o B2B com Nágila e Doctor Hartmann. Muita magia e dança prometem uma noite memorável. 

Os pontos para adquirir convites são: Óptica Conquistadora, Matéria Prima, Liga Jovem e promoters. O apoio é do Hotel Fenícia.

Conheça os DJ's Avilla e Dirty Noise!

Avilla - Natural de Porto Alegre (RS), Avilla iniciou sua carreira na música eletrônica ainda muito jovem. Com Apenas 14 anos o DJ/Produtor gaúcho lançava sua primeira track original, mostrando ser um verdadeiro prodígio da e-music. Apaixonado pela House Music e suas vertentes, Avilla viu na EDM sua verdadeira paixão, espelhando-se em Dj’s renomados como Nicky Romero e Hardwell. Hoje  já figura como uma das revelações do estado, recebendo suporte de grandes artistas nacionais e internacionais. 

Com um pouco mais de quatro anos de carreira, já se apresentou em grandes Clubs do estado e eventos Open Air, tornando-se em 2015 Dj residente da Atmosphere, um dos maiores Festivais do Rio Grande do Sul e também da Holi Play Brasil um dos maiores Festivais das cores do Brasil. Seu grande diferencial é a qualidade de suas produções, apesar da pouca idade, tornando-o um artista completo. Em seus setlists podemos conferir o que há de melhor e mais atualizado da EDM, junto à mashups e edits exclusivos, além de tracks originais. Avilla é sem dúvidas um nome que veio para ficar e marcar a música eletrônica no Brasil.

Dirty Noise - O mestre do Dubstep no Brasil chega com suas mixagens rápidas, com efeitos, truques com loops e samples, mesmo em meio às batidas mais quebradas, características de uma técnica rara hoje em dia. O vício em adquirir a música mais nova, às vezes mesmo antes de ser lançada oficialmente, faz com que seus sets tenham o repertório constantemente renovado. Uma verdadeira viagem ao futuro. Apesar de destacar o Dubstep, seus sets não ficam presos à um único estilo. Drumstep, Electro, Trap e Twerk, sempre estão presentes nas suas viagens musicais. Tudo depende do clima do momento. 

"Com muita emoção e alto astral, Dirty Noise transmite a melhor energia que um DJ pode passar. Uma sensação que se renova à cada set”, disseram seus fãs quando o elegeram como um dos melhores DJs do Brasil. Suas últimas grandes experiências são: A Garden Music que é considerado o maior festival de música eletrônica do Sul do país e também o Electric Daisy Festival (EDC), o maior festival de música eletrônica dos EUA e do mundo, que rolou em Interlagos, em São Paulo.



terça-feira, 14 de junho de 2016

Final de semana tem tour pelos Caminhos do Pampa



Para aqueles que desejam ter uma experiência turística e gastronômica diferenciada, o blog Caminhos do Pampa tem uma ótima dica. Confira!

No próximo sábado, dia 18, a Boutique do Pampa e o Hotel Fenícia promovem o tour Caminhos do Pampa, uma experiência única, que reúne degustação de vinhos, café colonial, passeios e a oportunidade de conhecer parte da história do Rio Grande do Sul. O Caminhos do Pampa é um tour pela nossa tradição e está recebendo reserva de pessoas interessadas! 

Veja como funciona:

Vinícola Guatambu:
- Tour incluindo degustação de 3 vinhos, acompanhado de tábua de frios;
- Passeio pelo vinhedo;
- Visita ao mirante e à Galeria da Vinícola, onde são retratados fatos históricos da região e da vinícola.

Almoço:
- Restaurante Cumbuca (Dom Pedrito)

Vinícola Peruzzo:
- Apresentação da Vinícola e breve degustação.

Pousada Chácara das Roseiras:
- Histórias tradicionais do RS;
- Café colonial, com produtos produzidos pela família, como queijos, doces e pães.

Gostou da programação? Então corra e garanta sua vaga! Mais informações aqui!


quinta-feira, 9 de junho de 2016

Bagé recebe Classificatória do Freio de Ouro

Desde ontem, dia 08 de junho, competidores do Freio de Ouro estão em Bagé para participar de mais uma classificatória da prova. O Parque da Associação Rural vai ser o palco de mais uma grande disputa por mais oito vagas para a grande final, que se realizará no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS), durante a Expointer. São esperados cerca de 90 conjuntos para a seletiva.

No site da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) o vice-presidente Técnico da entidade, Francisco Fleck, fala que a região de Bagé sempre tem grande força e engloba núcleos e criatórios de grande tradição na raça. “Historicamente esta região aparece com animais com grande desempenho no Freio de Ouro, por isso esperamos mais uma prova de alto nível e muito competitiva”, destaca.

Entre os jurados, a percepção é que a classificatória manterá o ritmo de competitividade das demais eliminatórias disputadas até o momento. Para Álvaro Dumoncel, um dos responsáveis do julgamento das fêmeas juntamente com Lauro Varela Martins e Leonardo Alberton Ardenghi, a disputa será acirrada. “É uma região tradicional que envolve toda a Metade Sul do Rio Grande do Sul. Esperamos mais uma vez uma classificatória muito forte”, observa.

Já Daniel de Souza Mello, que será um dos responsáveis do julgamento dos machos, acompanhando Ciro Manuel Canto de Freitas e Francisco Martins Bastos Sobrinho, avalia que Bagé também não irá fugir da competitividade que vem marcando o Freio de Ouro desde as suas credenciadoras. “Sendo uma região tradicional acreditamos que será uma prova muito forte assim como vem sendo todo o ciclo”, ressalta.

O Hotel Fenícia preparou pacotes especiais para os visitantes se hospedarem com todo conforto e poderem desfrutar dos vários atrativos que a região oferece. Confira aqui!

Veja a programação do evento e prestigie:

8/junho (Quarta-Feira)
17h – Inicio Admissão Classificatória
19h – Término Admissão Classificatória

9/junho (Quinta-Feira)
9h – Julgamento Morfológico Classificatória – Fêmeas
14h – Julgamento Morfológico Classificatória – Machos

10/junho (Sexta-Feira)
8h – Andaduras/Figura/VSP-Esbarradas – Fêmeas
13h – Andaduras/Figura/VSP-Esbarradas – Machos

11/junho (Sábado)
8h – Mangueira – Fêmeas/Machos
14h – Prova de Campo – Fêmeas/Machos

12/junho (Domingo)
9h – Fase Final (Mangueira/Bayard-Sarmento/Prova Campo)
12h – Encerramento e entrega de Prêmios

Jurados:      

Fêmeas
Alvaro Dumoncel
Lauro Varela Martins
Leonardo Alberton Ardenghi

Machos
Ciro Manuel Canto de Freitas
Daniel de Souza Mello
Francisco Martins Bastos Sobrinho

Técnico:
Daniel Rossato Costa

Foto: Divulgação

terça-feira, 7 de junho de 2016

Dia dos Namorados tem jantar com produtos do Pampa em Bagé

Bagé terá uma ótima opção para os apaixonados que desejam desfrutar de uma ótima noite no próximo domingo (12), Dia dos Namorados. A Boutique do Pampa, no Hotel Fenícia, realizará um jantar romântico com produtos típicos da região. Para momentos agradáveis, com a melhor companhia, e para conhecer as peculiaridades de vinhos e azeites do Pampa, essa é a melhor oportunidade.

Com cardápio requintado, preparado pela Cheff Doriê, o jantar será harmonizado com vinhos que fazem parte do projeto Boutique do Pampa. No local, haverá música ao vivo, além do ambiente climatizado e especialmente decorado para receber os casais. Os convidados ainda concorrem a uma noite na suíte Dunamis.

Confira o menu:

Jantar - Creme de alho poró; risoto do Cheff
Duas opções de carne - Filé ao molho chateubriand com vinho tinto, uvas passas, cogumelos Paris e crepe de ricota ou Frango à Kiev com purê de maçã e batata souté
Sobremesa: Brownie com sorvete

A Boutique do Pampa é um projeto lançado recentemente pelo Fenícia Hotel a fim de agregar eventos gastronômicos, loja de produtos da região (vinhos, azeites, sucos de uva e outros), e turismo na Campanha Gaúcha. Dar visibilidade aos produtos da região e explorar o enoturismo e turismo receptivo, a fim de proporcionar experiências diferenciadas às pessoas que vêm de fora se hospedar no município, é a principal missão da Boutique do Pampa.

Reservas para o jantar de Dia dos Namorados podem ser feitas pelos telefones (53) 3242.8222, 9996.0784 ou no site feniciahotel.com.br





sexta-feira, 3 de junho de 2016

Desfile Mães e Filhos terá degustação de produtos da Boutique do Pampa

Crédito: Rodrigo Sarasol

No próximo domingo, dia 05 de junho, o Conselho Bajeense da Mulher Empreendedora (Cobame) realiza a quarta edição do desfile Mães e Filhos, que neste ano inova com a inserção também dos pais.

Além das 13 empresas que vão apresentar seus looks na passarela, o evento também contará com algumas novidades, entre elas um projeto musical que mistura o som eletrônico com a delicadeza do violino, explicações sobre a adoção consciente de animais e sobre doação de cabelos para confecção de perucas a quem faz tratamento contra o câncer.

Outra ação que deve chamar atenção de quem prestigiar o evento é o stand especialmente planejado pela Boutique do Pampa e Vinícola Peruzzo para oferecer degustação de vinhos e divulgar os produtos da região da Campanha. No local também será possível experimentar o sabor diferenciado dos azeites Batalha.

O desfile Mães e Filhos começa às 17h no Espaço Aquarela.



quarta-feira, 1 de junho de 2016

Dança Bagé é atração dessa semana na cidade

A partir de amanhã (02.06), Bagé recebe a 14ª edição do consagrado festival Dança Bagé. O evento visa valorizar, difundir e incentivar as novas linguagens da arte da dança, criar mercado de trabalho para os artistas profissionais de nossa cidade, Estado e país e estabelecer intercâmbio cultural entre as pessoas e grupos que atuam nessa área.

A programação que se estende até domingo, deve movimentar a cidade, com diversas apresentações e oficinas e presença de dançarinos de várias cidades. Na oportunidade, ocorre também o 2º Dança Escolas e Projetos, destinado à comunidade, professores, acadêmicos de dança, alunos de ensinos Fundamental, Médio e Educação Física e interessados na área.

O destaque dessa edição fica por conta da presença do ator, bailarino e coreógrafo carioca Carlinhos de Jesus, que ficará hospedado no Fenícia Hotel. Carlinhos de Jesus já participou do festival em 2013, e neste ano, além de se apresentar, vai ministrar uma oficina.

O valor do ingresso para assistir ao festival é R$ 10 por dia, exceto no sábado, que custará R$ 15, em virtude do show de Carlinhos de Jesus. O Dança Bagé é uma realização da Secretaria Municipal de Cultura e Casa de Cultura Pedro Wayne.

Confira a programação e agende-se!

Shows e apresentações (Ginásio Auxiliadora)

Quinta-feira – a partir das 17h
Concurso 2ª Dança Escolas e Projetos – 20 apresentações
Mostra – Três apresentações
21h – Show Gnes Gawase (Porto Alegre)

Sexta-feira – a partir das 17h
Concurso 2ª Dança Escolas e Projetos – 21 apresentações
Mostra – Três apresentações
21h – Shows Grupo de dança do Imba e Bio Center Centro de Danças (Bagé)

Sábado – a partir das 16h
Concurso 2ª Dança Escolas e Projetos – 25 apresentações
Mostra – Duas apresentações
21h – Show Carlinhos de Jesus (Rio de Janeiro)

Domingo – a partir das 16h
Concurso 2ª Dança Escolas e Projetos – 16 apresentações
21h – Show: The Manifest (Bagé)

Oficinas

Quinta-feira (Ginásio Auxiliadora)
10h30min – Dança contemporânea (Diego Rodrigues)
12h- Dança de salão (Diego Houwes)
13h30min – Dança do ventre
15h – Dança de rua (Hyrará Farias)

Sexta-feira
9h – Ballet Clássico (Aldo Gonçalves) – Imba
10h30min – Dança do ventre (Egnes Gawasy)
12h – Dança contemporânea (Diego Rodrigues)
13h30min – Dança de salão (Diego Houwes)
15h – Dança de rua (Hirajá Farias)

Sábado (Casa de Cultura Pedro Wayne)
8h45min – Dança do ventre (Egnes Gawasy)
12h30min – Jazz (Aldo Gonçalves)
14h – Oficina com Carlinhos de Jesus

Domingo
9h30min – Dança do ventre (Egnes Gawasy) – Auxiliadora
10h30min – Dança de salão (Diego Houwes) – Auxiliadora
10h30min – Ballet clássico (Aldo Gonçalves) – Casa de Cultura Pedro Wayne
11h45min – Jazz (Aldo Gonçalves) – Casa de Cultura Pedro Wayne
13h15min – Dança de rua (Hirajá Farias) - Auxiliadora


Fotos: Divulgação

Destaque